Grávida pode ter problema de tireoide no começo da gravidez: como identificar

gravida barriga gestante0419 1400c800

gravida barriga gestante0419 1400c800

gravida barriga gestante0419 1400c800

gravida barriga gestante0419 1400c800


Andrei Shumskiy/shutterstock

Problemas na tireoide podem ser difíceis de serem identificados, já que produzem sintomas que nem sempre são óbvios. No entanto, uma vez diagnosticada a condição que afeta a glândula, o tratamento e o acompanhamento precisam ser rápidos, especialmente em casos de gravidez.

De acordo com o perfil no Instagram Saúde Honesta, criado para compilar publicações relacionadas à saúde, até meados do segundo trimestre de gestação (18 a 20 semanas), o aporte de hormônio tireoidiano necessário para o desenvolvimento neurológico do feto depende da mãe: a tireoide fetal começa a se formar em torno de 8 semanas.

gravida tontura silhueta 0519 1400x800

gravida tontura silhueta 0519 1400x800

gravida tontura silhueta 0519 1400x800

gravida tontura silhueta 0519 1400x800


Tapao/Shutterstock

Quando o bebê não tem o aporte necessário dos hormônios tireoidianos nesse período, as consequências para a saúde podem ser irreversíveis. Portanto, é de extrema importância reconhecer e tratar precocemente as disfunções hormonais tireoidianas na gestação.

Problemas na tireoide durante a gravidez

Ainda segundo a publicação, o hipotireoidismo franco acomete 0,5% das gestantes, enquanto o subclínico, 2 a 3%. A doença é caracterizada pelo mau funcionamento da tireoide, ou seja, ocorre quando a glândula é incapaz de produzir hormônios suficientes para suprir as necessidades do organismo.

mulher tireoide disturbio 1112 1400x800

mulher tireoide disturbio 1112 1400x800

mulher tireoide disturbio 1112 1400x800

mulher tireoide disturbio 1112 1400x800


aslysun/Shutterstock

O problema na tireoide provoca diversos prejuízos à saúde e, durante a gravidez, é considerado ainda mais perigoso. O hipotireoidismo materno, quando não tratado, pode causar sérios danos ao bebê, incluindo insuficiência cardíaca e retardo mental, afirma José Augusto Sgarbi, presidente da Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia.

tireoide mulher 0317 1400x800

tireoide mulher 0317 1400x800

tireoide mulher 0317 1400x800

tireoide mulher 0317 1400x800


Nekrasova Anastasiya/Shutterstock

O especialista explica que o bebê pode apresentar alterações da cognição, diminuição do quociente de inteligência, defeitos da fala e até retardo mental. Entre os sintomas mais comuns de hipotireoidismo são:

  • Desânimo
  • Cansaço
  • Tendência à depressão
  • Ressecamento e queda dos cabelos
  • Ressecamento da pele
  • Unha fraca e quebradiça
  • Ganho de peso sem aumento de ingestão de alimentos
  • Diminuição da concentração
  • Prejuízo da memória
  • Constipação

Durante a gestação, as mulheres com hipotireoidismo devem ter aumentada sua dose diária de hormônio da tireoide (T4). O tratamento ocorre sem complicações para a mãe ou o feto. No período, a grávida deverá receber acompanhamento frequente com o endocrinologista e usar o mínimo de drogas antitireodianas possível.

Cuidados durante a gravidez

Fonte: Vix

Fonte: NH TV